Ireland – The greenest of greens

Ireland is a place with incredible landscapes. During my 2012 Eurotrip, I had the opportunity of traveling in this awesome country during two very busy days. Although it was very short and rushed, I loved the trip.

Carli, Alexia, Paige and I arrived in Dublin around 9:30 a.m., exhausted from our London trip and anxious to lie down and sleep for a bit. We caught a bus in front of the Airport and went straight to our hostel. We stayed at the Four Courts Hostel, a huge, well located hostel, with 24-hour reception, some funky decor, super comfortable beds and breakfast (although it left much to be desired) was included. For “just” 15 euros, we stayed in a room with 10 beds. But, believe it or not, I slept like a baby both nights. We were really lucky to share the room with very laid-back and, let’s say, non-snoring people.

Continue reading “Ireland – The greenest of greens”

Irlanda – O mais verde dos verdes

A Irlanda é um lugar com paisagens maravilhosas. Durante a minha Eurotrip de 2012, tive a oportunidade de passear nesse país incrível durante dois dias muito agitados. Apesar de muito curta e corrida, adorei a viagem.

A Carli, a Alexia, a Paige e eu chegamos a Dublin em torno de 9h30, podres da viagem de Londres e ansiosas para deitar e dormir um pouco. Pegamos um ônibus em frente ao Aeroporto e fomos direto ao nosso albergue. Ficamos no Four Courts Hostel, um albergue enorme, muito bem localizado, com recepção 24 horas, uma decoração muito divertida, camas super confortáveis e o café da manhã (apesar de meio pobrezinho) incluso. Por “apenas” 15 euros, ficamos em um quarto com 10 camas. Mas, por incrível que pareça, dormi feito um bebê nas duas noites. Tivemos muita sorte de compartilhar o quarto com pessoas bem tranquilas e, digamos assim, não-roncantes.

Continue reading “Irlanda – O mais verde dos verdes”

Halfway There

Today, I’m completing 6 months here in Denmark, can you believe it? And I’m very grateful for the experience I’ve had so far. I can’t even describe the happiness I feel in being able to make my dream of traveling and seeing some of the world come true, much less measure the importance of the last few months for my life. I was able to meet extraordinary people, incredible places, be faced with new challenges and overcome them, and learn so much about the world and about myself. A few days ago, my host mom here showed me a really interesting text that is very close to what I’m feeling, so here it is:

Living away from home is not just about learning a new language. It’s not just walking through different streets or meeting different people and cultures. It’s not just the value of the money that changes. Continue reading “Halfway There”

Meio caminho andado

Hoje estou completando 6 meses aqui na Dinamarca, dá para acreditar? Estou muito grata pela experiência que tive até agora. Não tenho como descrever a alegria de realizar esse sonho de poder viajar e conhecer um pouco desse mundo, muito menos medir a importância desses últimos seis meses para a minha vida. Pude conhecer pessoas extraordinárias, lugares incríveis, me deparar com novos desafios e puder superá-los, e aprender muito sobre o mundo e sobre mim mesma. Alguns dias atrás, a minha host mom daqui me mostrou um texto muito interessante e que é muito fiel ao que estou sentindo, então aqui segue:

Morar fora de casa não é apenas aprender uma nova língua. Não é apenas caminhar por ruas diferentes ou conhecer pessoas e culturas diversificadas. Não é apenas o valor do dinheiro que muda. Continue reading “Meio caminho andado”